Āsana, Pratique

Como Lesionar-se ao Praticar Yoga em 10 Passos

Em primeiro lugar, esqueça esse tal de bom-senso, pois ele só atrapalha, e as primeiras lesões irão demorar muito para aparecer. Acostume-se a ignorar os sinais que seu corpo lhe envia

· 1 mins de leitura >

10 instruções para lesionar-se de maneira eficiente e duradoura

Para aqueles que pretendam lesionar-se praticando qualquer forma de Haṭhayoga, é essencial seguir estes 10 passos.

1. Em primeiro lugar, esqueça do bom-senso, pois ele só atrapalha, e as primeiras lesões irão demorar muito para aparecer. Acostume-se a ignorar os sinais que seu corpo lhe envia, que estejam relacionados com dor, desconforto, palpitação ou tremor.

2. Em segundo lugar, investigue a seqüência clássica do aṣṭāṅga duḥha, as ‘dores nas oito partes’ do corpo: a) dor no pescoço, b) dor na região lombar, c) dor nos joelhos, d) dor nos pulsos, e) dor nos ombros, f) dor nas articulações coxofemorais, g) dor nos tornozelos, e h) dor nos cotovelos.

3. Estatisticamente, está demonstrado que os praticantes nos lesionamos nessas regiões, quando há falta de cuidado, falta de atenção, falta de compaixão e falta de alinhamento durante a prática.

4. Você irá  atingir a perfeição apenas quando tiver uma lesão em cada uma dessas oito partes. Insista, capriche e empenhe-se.

5. Alimente seu espírito competitivo: quando for praticar num grupo, escolha a pessoa mais flexível ou forte para se comparar, e procure superá-la em tudo o que ela fizer.

6. Escolha um professor bem autoritário, daqueles que fazem ajustes muito fortes e na direção errada, e obedeça à  risca. Confie mais nele do que na sua intuição ou no seu bom-senso.

7. Permaneça muito tempo nas posturas mais desafiantes e instáveis. Isso é essencial para lesionar-se em um curto espaço de tempo.

8. Pratique sozinho, apenas olhando para selfies de pessoas flexíveis no Instagram, ou para os āsanas mais complexos do Light on Yoga, mas sem ler o texto.

9. Ao perceber que você já se lesionou, ignore a primeira onda de dor e insista mais um pouco.

10. Depois, você poderá impressionar seu ortopedista colocando um pé atrás do pescoço  e dizer ‘doutor, só doi quando faço  isto!’.

como lesionar-se

॥ हरिः ॐ ॥

Obviamente, amigo praticante, este texto é uma brincadeira, mas você pode se fato lesionar-se seguindo estas instruções. No entanto, se quiser saber como evitar lesionar-se praticando, leia o artigo Oriente-se ou acidente-seVocê também pode ler este outro texto (em inglês).

Pedro nasceu no Uruguai, 55 anos atrás. Conheceu o Yoga na adolescência e pratica desde então. Aprecia o o Yoga mais como uma visão do mundo que inclui um estilo de vida, do que uma simples prática. Escreveu e traduziu 10 livros sobre Yoga, além de editar as revistas Yoga Journal e Cadernos de Yoga e o website www.yoga.pro.br. Para continuar seu aprendizado, visita à Índia regularmente há mais de três décadas.
Biografia completa | Artigos

De Volta ao Básico: Yamas e Niyamas

Pedro Kupfer em Ética, Pratique
  ·   5 mins de leitura

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *