Āsana, Pratique

Tadāsana ou Samasthiti, a Postura Fundamental

Tadāsana: a Postura da Montanha. Este é o āsana inicial, ponto de partida e base para todos os demais.

· 2 mins de leitura >
tadasana

Tadāsana: a Postura da Montanha

Significado dos dois nomes desta posição: taḍa = montanha, āsana = postura. Tadāsana = postura da montanha.

Sama = igual, simétrico; sthiti = ficar firmemente ereto. Samasthiti: “postura simétrica e estável”.

Seguem aqui algumas recomendações importantes para a execução correta e segura desta posição. Para integrar todos os elementos do tadāsana, sugerimos o treino de 10 minutos neste vídeo:

Porém, lembre de adaptar sempre o que for preciso, escutando o que o seu corpo diz a cada momento e atendendo às características e necessidades únicas dele.

Essa capacidade de adaptar (neste caso, o āsana ao corpo), é chamada yogya em sânscrito, palavra que podemos traduzir como adequação ou adaptação. Use o yogya, portanto. E o seu bom-senso.

14 dicas importantes para o alinhamento nesta postura

1. Este āsana é o que requer mais atenção, pois é o ponto de partida para todos os demais.

2. Tadāsana é a arte de ficar em pé. Começe a construir a postura pela base, conscienciosamente.

3. Partes externas dos pés paralelas entre si. Espaço entre o dedo maior e o segundo dedo. Arcos transversos elevados e ativos.

4. Arcos elevados. Distribuição uniforme do peso entre os quatro cantos de cada pé. A consciência contínua nas sensações associadas à elevação dos arcos e a separação dos dedos dos pés é chamada pādabandha.

tadāsana5. Patelas elevadas, pele das coxas rotacionadas internamente, sentindo a espiral de energia ascendente.

6. Cóccix apontando para baixo. Quadril centralizado.

7. Ombros para trás e para baixo. Esterno para cima e para frente.

8. Escápulas apontando para abaixo.

9. Os eixos dos tornozelos, da bacia, dos ombros e as orelhas estão alinhados verticalmente.

10. Psicologicamente, a verticalidade nesta postura está vinculada com a projeção para o alto, o crescimento, a elevação, o despertar da espiritualidade.

11. Podemos afirmar que o ser humano somente se completa como humano ao assumir a sua postura natural e consciente.

12. Um queixo projetado para frente nesta postura pode indicar uma certa tendência da pessoa a ficar voltada somente para o mundo material, ou para o exterior, ou para o futuro.

13. A coluna é como o subconsciente: a falta de alinhamento das costas pode indicar distanciamento em relação aos conteúdos subconscientes, ou falta da capacidade de estar presente no momento presente..

14. Em nível energético, esta postura, bem como todas as demais em pé, desperta e ativa os cakras inferiores, estabelecendo uma conexão firme com o elemento terra.

॥ हरिः ॐ ॥

Dicas da professora Adriene aqui (em inglês)
Aqui  e aqui temos mais materiais
sobre a prática dos āsanas

॥ हरिः ॐ ॥

Atenção, por favor, caro praticante:

Estas dicas não substituem um professor de Yoga. São disponibilizadas apenas para que o praticante possa apreciar diferentes possibilidades e, se for o caso, aprimorar sua técnica e sua prática pessoal.

No início, a prática sob a supervisão cuidadosa de um instrutor preparado e competente é essencial para o sucesso na prática, bem como para evitar lesões.

O autor não se responsabiliza pelo mal uso que possa ser feito destes textos. Obrigado pela compreensão e o cuidado consigo mesmo. Boas práticas.

As imagens e vídeos, tanto do tadāsana quanto de outras posturas similares que você encontra neste website são meramente orientativas e têm como objetivo facilitar e inspirar a sua prática.

Da mesma forma que com as outras técnicas aqui descritas, não é aconselhável aprender estas posturas unicamente olhando para fotografias.

Aprenda-as com um professor competente. Faça as adaptações que for necessário para praticar com segurança. Não force. Evite exagerar.

Ao praticar āsanas, associe os exercícios e os movimentos entre eles com a respiração ujjayī e, se for possível, mantenha as ativações do baixo ventre o o períneo (uḍḍīyanabandhamūlabandha) todo o tempo.

Cultive um estado de atentividade e observação calma e consciente do corpo, da mente e das emoções ao fazer estes exercícios. Evite exagerar ou colocar sua saúde em risco. Obrigado por cuidar bem do seu corpo. Boas práticas.

॥ हरिः ॐ ॥

Pedro nasceu no Uruguai, 55 anos atrás. Conheceu o Yoga na adolescência e pratica desde então. Aprecia o o Yoga mais como uma visão do mundo que inclui um estilo de vida, do que uma simples prática. Escreveu e traduziu 10 livros sobre Yoga, além de editar as revistas Yoga Journal e Cadernos de Yoga e o website www.yoga.pro.br. Para continuar seu aprendizado, visita à Índia regularmente há mais de três décadas.
Biografia completa | Artigos

mantra om

Meditação no Sagrado Mantra Om

Pedro Kupfer em Meditação, Pratique
  ·   3 mins de leitura

Uma resposta para “Tadāsana ou Samasthiti, a Postura Fundamental”

  1. Esse asana, no Dakshna Tantra, é chamado de tadasana, ou postura da montanha. Deve ser feito com mula bandha (contração dos esfíncteres) para acentuar a energia do muladhara chakra, além da contração muscular de todo o corpo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *